10 de agosto de 2008

Definição de aperitivo.

Sem ter lido ainda o best-seller, vencedor de um Pulitzer, de Cormac McCarthy, The Road, toda e qualquer suspeita em torno da adaptação cinematográfica carecerá de um maior fundamento. No entanto, a sinopse dá umas luzes, e as primeiras imagens, publicadas na USA Today, ajudam a pintar o resto do quadro.

E, o que este quadro nos diz, por enquanto, é que este título tem todo o ar de ser o Children of Men de 2008. O estilo de filme filosófico e idealista, que foge aos modelos triunfadores de Hollywood, mas que acaba por vencer no coração da audiência, e nos cifrões das bilheteiras. Um cenário pós-apocalíptico parece-nos ideal para uma obra inovadora, onde um dos melhores actores da actualidade por dar largas ao seu talento. Por alguma razão este é o 14º mais aguardado do ano.

E, onde encontrar esta América pós-apocalíptica coberta de cinzas? O realizador John Hillcoat recusou o CGI, e ficou-se pela encantadora localidade de Pittsburgh. Campos de carvão, parques de diversão abandonados e 12 quilómetros de auto-estrada fechados. Porquê recorrer a efeitos especiais, se o mundo real fornece as melhores paisagens?

1 comentário:

Daniel disse...

que extraordinaria noticia! Alvy, tens mesmo de ler esse livro, é seco, é duro, é forte, deixa-te sentir tudo de uma forma muito basica e é muito, mas mesmo muito bom. houve ocasioes em que as lagrimas surgiram. e agora ver que existe uma adaptaçao cinematografica fiquei sem palavras. e pelas imagens vejo que imaginei tudo correctamente. Alvy, é um livro a nao perder.